terça-feira, 3 de março de 2009

A sombra...


A torcida Vascaína ano passado deu exemplo sobre o que é ser uma torcida. Sabíamos todos que o time era muito fraco, que o rebaixamento era iminente e, mesmo assim, lotamos o caldeirão de São januário para cantar o nosso amor várias vezes. E as decepções, não raras, inflamavam cada vez mais a torcida a ir no próximo jogo. Mas infelizmente o sentimento vascaíno não foi o suficiente para impedir a dolorosa queda. Com o descenso quem sofre mesmo é a torcida, que verdadeiramente ama o clube e só o clube, acima de qualquer política ou qualquer coisa. Os jogadores bem ou mal, aqueles que "se salvavam" por assim dizer, certamente não sofreram nada, excluindo Edmundo. Mas o que não se esperava( ou será que se esperava?) era que a pecha, a sombra do rebaixamento, acompanhassem nossos destaques/mercenários.


Veja por exemplo o caso clássico do futebol carioca: O jogador surge do nada, aparece bem no Vasco, vende a alma para o plano de saúde, e logo em seguida morre. Leandro Amaral escolheu trilhar esse sinistro caminho e agora colhe os frutos envenenados. Wagner Diniz é outro, que muito antes do barco afundar já pulava fora, se bandeou para a bambizada. Pior dos negócios que fez na vida, em termos profissionais, lógico que não financeiros. Lá se descobrirá para o azar de Wagner Diniz e do São Paulo, que ele é isso daí mesmo, corre mas é mais burro que um tatu. E pro quesito "piores escolhas profissionais", o Oscar vai para o goleiro Rafael. Que, não satisfeito em ser reserva do fraquíssimo Fernando henrique, ainda banca para o Ricardo Berna. Edmundo, que não importa o que faça ou fale de agora em diante, terá sempre lugar cativo no meu coração, por ora encerrou a carreira. Que merece nossos elogios sinceros. Já Madson parace ter driblado a sombra, talvez até pelo seu tamanico, e consegue algum destaque no fraco time do Santos.


Esses aí de cima eram os destaques do time, que dirá então da fase que atravessam os que não eram destaques. Leandro Bomfim, que já encontrava-se em fase terminal, decidiu pelo suícidio. Agora é vizinho de lápide de Leandro Amaral, de Alex Dias, de Rafael, de Conca...

Os irmãos exepcionais Luis & Luis, sumiram no mundo. O brancão abobalhado, se não me falha, joga agora no madureira. Jonílson foi para Ribeirão preto jogar no Botafogo e não deixou saudades.


Temos um time muito superior ao do ano passado, não há dúvidas. Que esses mercenários levem consigo a sombra do rebaixamento, para que o sol das vitórias possa novamente brilhar na colina, para o nosso deleite...

4 comentários:

  1. concordo plenamente

    ri mto com o jonilson

    q disse q tinha uma proposta de um grande clube e foi para no botafogo de ribeirão

    ahuahuahuah

    isso é o q da mexerem com o vasco

    ResponderExcluir
  2. o Vasco está com um time competitivo, mas acho que ainda precisa de uns retiques para não sofrer na Série B...de qualquer forma, está no caminho certo!!

    abraço!!

    ResponderExcluir
  3. ´Pois é sairam do vasco para o ostrascismo again...alex dias , jonilson, w.diniz, l. amaral e bonfim, rafael... fazer o que? vão pra ponte que partiu bando de ingratos! De qq forma o Vasco tá no r=umo! abs, leandro..obs: segunda tem o coelho na 540 AM, as 21 horas com uma entrevista ao vivo espalhe por ae, ok? abs é la no Maldita!...

    ResponderExcluir
  4. Quanto à qualidade do time de 2008, não precisamos nem tecer comentários... já quanto ao time de 2009... estamos montando um time bom, sim! Digo bom pra subir. Bom pra segundona!

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar sua opinião sendo Vascaíno ou não.

Saudações Cruzmaltinas