sábado, 16 de maio de 2009

Missão dada é missão cumprida! Só Faltam 18!


Ramónstro: O craque do jogo!
A promessa de casa cheia foi cumprida, bem como a de grande presença Vascaína no estádio do Castelão. No final, maioria calada e minoria fazendo a festa. Os responsáveis por manter o 100% de aproveitamento foram Ramón,Léo Lima e o goleiro Fernando Prass. Aliás, o goleiro vem se mostrando muito seguro na meta vascaína, e vai ser difícil para o Thiago recuperar essa vaga, muito díficil.


O primeiro tempo me fez um mal danado, pois fumei um sem número de cigarros por conta do nervosismo. Começamos melhor, desperdiçamos duas boas chances de marcar e paramos. O Ceará, por sua vez, conseguia colocar a bola no chão e começou a criar ótimas chances. A mais clara delas, Wellinton amorim conseguiu a proeza de perder ao chutar no travessão. A primeira etapa acabava e o sentimento vascaíno era de alívio, por não ter sofrido gols, e preocupação, porque não jogava bem e se ressentia, como se ressentiu o jogo todo, do toque de qualidade dado por Carlos Alberto.


A segunda etapa começou da mesma forma que a primeira, o Ceará buscando o ataque e o Vasco apostando no contra-ataque, que contudo emperrava na lastimáveis atuações de Élton e Edgard, substituto do não menos lastiamável Magno. Mas, Fernando Vidal resolveu inventar e até conseguiu êxito ao deixar dois Vascaínos sentados dentro da área. Quando tentou lançar, entregou nos pés de Léo Lima, deste a bola chegou a Ramón, e com um chute violento o Vasco abriu o placar jogando pior. A partir daí o Ceará se lançou ao ataque, e o falante Geraldo conheceu a estrela do goleiro Fernando Prass, que operou duas defesas fantásticas e evitou o empate dos donos da casa. Perto do fim, Ramón tomou bola no campo de defesa na base da vontade, tabelou e recebeu na frente. O Chute cruzado venceu Marcelo Bonan e sobrou para Léo Lima, dentro da pequena área, só empurrar para dentro e sacramentar a díficil vitória.


O jogo não foi bom, mas o Vasco se superou na vontade, superou o péssimo gramado, e bateu o "Favorito" Ceará(Né geraldo?) dentro de seus domínios. O próximo jogo pela série B será no próximo sábado ante ao Atlético Goianiense. Com a classificação praticamente sacramentada na Copa do Brasil, a promessa é de colina abarrotada e o palpite? Bom, o palpite é a vitória. Alóísio provavelmente fará sua estréia e o time só tende a melhorar. Estamos a 18 vitórias do acesso!

3 comentários:

  1. Falaaa Vascão!!!
    ontem foi um jogo típico de Série B, como serão quase todas as partidas... mais na vontade do que na técnica. A tendência é esta mesma... campo ruim, time fechado jogando no contra ataque... Mas vamos que vamos!!!! Na técnica somos os melhores e na vontade é que não podemos perder!!!
    Vamos descer sabdo q vem?? Vasco x Atlético-GO??

    ResponderExcluir
  2. mas é assim que se demonstra a união de um time, quando a técnica não prevalece, vai na vontade e na garra mesmo....o objetivo do Vasco não é dar espetáculo na série B, mas sim retornar a elite...

    abraço!!

    ResponderExcluir
  3. quantos jogos temos em casa? 18, né.
    Vencendo em casa e fora seremos campeões
    Abraço e sds vascaínas!

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar sua opinião sendo Vascaíno ou não.

Saudações Cruzmaltinas