quarta-feira, 24 de junho de 2009

Levante as suas também!




Confesso que esta dificil sentar em frente ao computador e escrever alguma coisa sobre o Vasco. Talvez seja o período de maior desânimo como Vascaíno para mim esse ano. Embora ainda estejamos no começo da caminhada, já deu para perceber que essa série B promete ser um sufoco, passou o tempo de se iludir com uma campanha tranquila e segura na segundona. Sob esse aspecto, a pior coisa do mundo para o Vasco foi ter sido rebaixado logo depois da campanha irretocável que fez o Corinthians. Os paulistas estabeleceram novo parâmetro para os grandes rebaixados, parâmetro enganoso ao olharmos para as campanhas dos demais que caíram. Tão enganoso que enganou a muitos de nós, inclusive eu. Não existe jogo fácil, e contra o Figuerense teremos mais uma pedreira pela frente que, OBRIGATORIAMENTE, teremos que derrubar.

Derrubar adversário significa vencer, que por sua vez significa marcar gols, que por sua vez significa, para o Vasco, levantar as mãos para o céu e rezar, ainda mais quando, lá na frente, não existe sequer um jogador goleador, daquele que perde gols, como todos, mas que faz a maioria das chances que tem. Dessa vez devemos atacar de Alan Kardec e Alex Teixeira. Dos males o menor, já que Élton( aleluia) foi suspenso e Edgard finalmente deixou de ser considerado opção, e deve ser negociado com o Mundo Árabe. Não que eu ache o Alan Kardec tão melhor que o Élton, não acho, mas já foram dadas tantas chances ao Élton, que não há sentido não dar uma sequência ao Alan Kardec. O Alex Teixeira é diferente. Todos sabem que ele tem potencial, mas cabe a ele mostrar. Contra o Guarani ele atuou bem no segundo tempo, deu movimentação ao ataque e criou boas jogadas, apresentando, contudo, seu problema crônico de finalizar mal a gol. Não sei o estado que se encontra o Atacante Robinho, porém, pelo que vi de seu futebol, pouquissímo para ser sincero, pareceu um jogador de alguma inteligência e técnica, espero que ganhe também algumas oportunidades. Assim como espero que o Phillipe Coutinho seja de fato efetivado na equipe profissional.

Um assunto que me preocupa seriamente é a permanencia de Carlos Alberto, essencial, no meu ponto de vista, a equipe do Vasco. Já disse outras vezes que, mesmo que o Carlos Alberto nem sempre jogue bem, mesmo que ele viva às voltas com cartões Amarelos, é o único jogador que diferencia a equipe do Vasco em relação as demais da disputa. Diga-me: Em qual equipe da série B ele não seria o titular e o principal jogador da equipe? Não se trata somente de badalação, Carlos Alberto é um jogador diferenciado e fator de preocupaçaõ para os adversários porque sabe o que faz com a bola. É inegável que com sua ausência a equipe do Vasco fica um pouco "capenga", o time perde aquele cara que diz: " Me dá a bola aqui que eu vou pra cima, vou tentar, vou ousar...". Sem Carlos Alberto ficamos a mercê dos inconstantes Jéferson e Léo Lima, dos cruzamentos de Paulo Sérgio, cada dia piores. Até Mestre Nílton passa por uma fase irregular. Ramón mesmo, xodó da torcida, não vem sendo eficaz no ataque como dele se espera. Na defesa continua um monstro. Espero que a crise técnica que atinge alguns jogadores seja passageira e aquele futebol que nos fez acreditar em um ano tranquilo seja recuperado.

Dorival começou a sofrer as primeiras críticas durante seu trabalho, e no futebol existe somente um remédio para afastar críticas, e consequentemente, a crise: VITÓRIA!

5 comentários:

  1. Fala Almirante. Pois é rapaz, pelo treino de hoje parece que o Carlos Alberto irá para o ataque e o Kardec ficará no banco.
    Enfim, que o gol saia, não importa como e nossa defesa continue muito segura.
    Quanto a permanência de nosso principal jogador, concordo plenamente. Ele pe a diferença. Falta menos de uma semana e até agora nada...Já passou da hora de resolvermos isso.

    ResponderExcluir
  2. Você tem razão caro amigo Almirante, mais um Post brilhante, mas não perca a fé, se o elenco voltar a jogar com fibra e a raça demonstrada no jogo contra os gambás pela 2º partida das semi-finais da Copa do Brasil, nenhum time eu disse nenhum time da Série B nos ameaçaria, a queda no rendimento é comprensível, o abatimento vem aos jogadores pela perda da vaga injustamente usurpada pela arbitragem de um fdp, e o Vasco já vinha de um campeonato Carioca tirado na mão grande no 1º turno, tudo isso vai somando, os caras vem fazendo o seu papel e sendo garfados seguidamente desanima qualquer um. Mas o momento é de superação e acredito na vitória do Vascão aqui na minha terra natal Santa Catarina, 3 a 1 Vascão, somos o time da virada, lembra. Abraço.
    Jeferson
    Blog do Vascão
    http://www.vascao100ev.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Os jogadores precisam sair da "zona de conforto". Descontração e alegria é sempre bom, mas não condiz muito com o atual momento do time. É hora de cobrança. Muita seriedade. Sei que o "passeio" corinthiano ano passado foi ruim pra gente. Criou um parametro muito exagerado. Mas olha os nossos asversários... O Guarani, líder, está rebaixado para a 2ª divisão do paulista. Fora isso temos Ceará, Fortaleza, ABC, América-RN...Cara, o VASCO tem OBRIGAÇÃO de atropelar. Podem até dizer: Mas o Guarani montou um time todo novo pra jogar a segundona. Pior ainda. Nós com quase seis meses não conserguimos montar um time realmente competitivo ainda. Tá brabo amigo. Mas nunca perco a esperança. Pra cima do Figueira. Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Fala meu companheiro!
    Realmente, o Vasco não está passando pela melhor das fases. Mas nunca faltará esperança nos corações vascaínos. Acho que o time está um pouco perdido, um tanto desmotivado.

    Enfim.. nunca esperei absolutamente nada do Leo Lima. Alias, se saísse da equipe não faria falta. Sinceramente, nunca gostei desse traste. Quanto ao Jeferson, acho que ele precisa de chances seguidas na equipe, a cada jogo que eu assisto eu nunca sei se ele vai jogar. Acho que ele é um jogador criativo que pode dar mais trabalho do que tem dado.

    De fato, o Dorival precisa colocar essa equipe nos eixos. O time é bom, mas precisa dessa chacoalhada, de um puxão de orelha.

    Saudações vascaínas,
    Abraços,
    Marcelo Studart

    ResponderExcluir
  5. Olá Almirante,beleza!?
    tava sumido e tal,mas voltei com um blog novo,ve se da uma passada la depois,e linka ele ae,no lugar do De Bate e Pronto(meu antigo blog) falows!
    http://www.cotidianosubverso.blogspot.com

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar sua opinião sendo Vascaíno ou não.

Saudações Cruzmaltinas