sábado, 15 de agosto de 2009

Olha o "Vira"!


O futebol é apaixonante por isso: Tudo pode mudar a qualquer momento.

Tudo pode mudar, inclusive essa presente coluna, que se produzia mentalmente de forma raivosa em determinado momento da partida, mas modificou-se um pouco. Contudo, ela ainda irá se apresentar num tom crítico, justificadamente mais brando. Vencemos, ora essa! Por mais que não tenhamos jogado muito bem, talvez nem bem tenhamos jogado.

O Vasco começou desligado na partida, e a Lusa aproveitou-se desse estado de sonolência para abrir o placar bem no comecinho. Os donos da casa nos encurralavam no campo de defesa, e o cenário se manteve assim até por volta dos 15 minutos. O Vasco equilibrou a partida e por mais que não desse muitos problemas ao goleiro adversário, passou a jogar mais no campo ofensivo. Por duas vezes tivemos a chance de empatar. Ambas com o bom zagueiro Gian, uma em cobrança de falta, e a outra numa cabeçada.

A sonolência do início da primeira etapa, se repetiu no início da segunda. Tentando tornar o time mais ofensivo, Dorival sacou Nílton, que marcava mal e jogava pior ainda( Uma lástima o que acontece com Nílton), e colocou Adriano, que embora muito fominha, cumpriu bem seu papel de dar mais ofensividade ao Vasco. Carlos Alberto,outro que jogava sem muita inspiração,mostrou o porquê de ser considerado um diferenciado. Cruzou bola na medida para Gian empatar de cabeça. O cenário melhorava cada vez mais para o Vasco, já que, logo após o gol, Ygor fez aquilo que dele se espera e que já me causou profundas dores de cabeça, burrice! Foi expulso infantilmente e deixou a lusa em desvantagem numérica.

Mas aqui também tínhamos nosso asno, quem disse que não? Sujeito de pele negra, desengonçado, que atende pelo nome de Ernani, e realmente não entende-se como veio a tornar-se jogador de futebol, ainda mais de um clube como o Vasco. Pois bem, foi logo quando tudo conspirava a nosso favor que o cidadão me é expulso de um modo ridículo e nos tira a chance de jogar com um homem a mais, além, claro, de explodir com minha paciência.

O Vasco jogava mal, essa que é a verdade. Mas, futebol é apaixonante por isso. Tudo pode mudar. Alex Teixeira,que vinha meio apagado, fez boa jogada e serviu para Élton, que matava todos os ataques. O Camisa 9 fez boa jogada,invadiu a área e deixou Adriano,o fominha, em baixo das traves pra marcar. Nada mais clichê que dizer: Na festa lusitana, o Vasco dançou o vira. No finalzinho, Enrico sofreu pênalti e Élton deixou mais uma vez sua marca.

O Vasco não fez uma boa partida, mas o pouco que fez foi o suficiente para vencer a Lusa, que diga-se, não é um adversário qualquer. O jogo ficou num ritmo acelerado quando as duas equipes ficaram com 10 homens. Na correria e na vontade,melhor pro Vasco, que fez a festa da imensa torcida cruzmaltina presente no aprazível estádio do Canindé, e assume a co-liderança da competição, junto com o Atlético Goianiense.

5 comentários:

  1. Fizemos um 1º tempo horrível, melhoramos muito no 2º, valeu a vitoria, os 3 ponots mas principalmente não deixar o guarani nos ultrapassar e o atletico não se distanciar, sabado assumimos a liderança.
    Abraço
    Jeferson

    ResponderExcluir
  2. Xará,

    Já falei uma vez e vou repetir: O VASCO é time de um só tempo. É impressionante como sempre jogamos mal o primeiro tempo, e depois temos que correr atrás no segundo. Virou rotina. Mas o importante é que vencemos.

    Cara, estou impressionado com nossa torcida. Dividimos o Machadão com o América local e fomos a maioria contra a Lusa dentro do Canindé. Eu sei da força da nossa torcida, mas tem sido emocionante a demonstração de carinho e força por todo o Brasil. Pena que a mídia não dá o devido destaque. Fico pensando se tal façanha fosse realizada pela torcida mulamba...qual seria o comportamento dessa mesma mídia?

    Abração.

    ResponderExcluir
  3. Vencemos,mas não convencemos. o importanta são os três pontos? Ok, são! mas, enquanto o nosso meio campo for improdutivo na proteção da defesa e não municiar o ataque , termos de viver de defesas milagrosas eespasmos dos atacantes1 mas, sigam,os na fé! abs, leandro

    ResponderExcluir
  4. O que mais me chamou atenção foi uma frase dita pelo Dorival ao término da partida: " Não estamos jogando 70% da nossa capacidade, ainda não embalamos e temos muito o que melhorar!"

    Concordo com o Dorival em tudo.Pra mim isso resume o momento do Vasco!

    Mais não devemos tirar o mérito de uma bela vitória!

    ResponderExcluir
  5. Fala Almirante. Por engano excluí seu comentário lá no MFC. Peço desculpas, se puder comenta lá novamente.

    Ih o não vai subir! Rs

    Abção

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar sua opinião sendo Vascaíno ou não.

Saudações Cruzmaltinas