segunda-feira, 25 de julho de 2011

"Na verdade até prefiro"



Já estava com um texto pronto para falar da terceira vitória consecutiva do Vasco no campeonato, ontem, diante do desconjuntado Atlético Mineiro.

Na verdade, o texto vai nascendo dentro da mente no decorrer da partida. Antes de Diego Souza converter o pênalti que deu a vitória por 2 a 1, já no apagar dos luzes, atribuindo justiça ao placar, essas linhas nasciam do descontentamento.

Havíamos desperdiçado um dos raros presentes da arbitragem e víamos escorrer pelo ralo a chance de uma aproximação real da liderança, haja vista a rodada perfeita que se desenhava, com todos os times acima de nós sendo derrotados.

Os comentários já estavam prontos na cabeça e seriam escritos nessa manhã de segunda feira. No entanto, ao abrir a internet, um fato se impôs ante todos os outros. Dedé foi convocado por Mano Menezes e o Vasco voltou a ser representado na seleção brasileira, depois de muito tempo.

Não há dúvidas que o zagueiraço fez por merecer uma lembrança na seleção. Fico feliz pelo jogador e triste por nós. Sim, por que se já seria difícil segurá-lo das investidas do mercado europeu, agora creio que seja praticamente impossível impedir que o negão alce vôo para o velho mundo antes da disputa da Libertadores do ano que vem. Algo que enxergo como uma catástrofe absoluta.

Mas voltemos, de forma sucinta, a análise da vitória de ontem.

As manchetes pré jogo anunciavam a volta de Diego Souza.

E a dúvida pairava: Será que ele realmente voltaria, ou apenas completaria os onze iniciais na lista de escalação, como fazia nas últimas exibições?

A resposta foi dada por ele em campo, dedicando-se até o último minuto, jogando com a faca nos dentes. Cumprindo, pois, a obrigação inicial de todo jogador que veste a camisa mais linda do futebol mundial. Não que tenha feito nada de extraordinário, mas foi o nome do jogo ao marcar duas vezes. E isso sim é extraordinário, principalmente para alguém que se apresentava tão “morimbundamente” há algumas rodadas.

No primeiro gol ele se antecipou a zaga e desviou para as redes o cruzamento perfeito de Julinho. Aliás, parece que encontramos, finalmente, mais um individuo no elenco com capacidade para alçar bolas na área com qualidade(Precisa dizer quem é o outro?). Apesar do gol, o Vasco se apresentou muito mal na primeira etapa e não conseguia encaixar o jogo e trocar passes naquele campo pra lá de safado do Ipantigão.

No segundo gol, Diego teve a personalidade e o culhão que se exige de um camisa 10 ao pegar a bola no último minuto e bater o pênalti da vitória, que como já dito, trouxe justiça e premiou o domínio absoluto do Vasco na segunda etapa, quando finalmente resolveu ser melhor que o Atlético da forma que se espera.

O Vasco enfrenta agora o Bahia, em São Janú, com a obrigação da vitória. Não vencer essa partida será de um anti-climax imperdoável. Com as voltas do REI e Maestro, o renascimento de Diego Souza(Será?), o animador Julinho, o talismã Bernardo, o incansável Éder Luis, o selecionável Dedé e o “Deixa quieto antes que convoquem Anderson Martins”, o Vasco vai montando um elenco forte e um time titular com cara de campeão. Vamos ver até quando vão continuar sem nos levar a sério.

Não que eu ligue. Na verdade até prefiro.

3 comentários:

  1. Mais uma vez perfeito, Xará. É impressionante a desfaçatez da impresna que cisma em ignorar o crescimento do VASCO no campeonato. Aliás, crescimento no momento certo. Mas, assim como você, eu não ligo. Na verdade até prefiro. Abraços, irmão.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns meu amor, mais uma vez, pelo texto impecável!
    Mas discordo de você no que diz respeito ao Dedé.
    Penso que ele vai querer sim disputar uma Libertadores, e mais, acho que ele vai dar o seu melhor, seu sangue pelo Vasco.
    Mesmo sendo convocado por Mano Menezes , não acredito que ele vá receber alguma proposta que o faça desistir de disputar, e quem sabe ganhar, uma Libertadores.
    Depois da mesma, ai sim vão chover propostas para nosso MITO.Ele vai escolher a que for melhor e infelizmente deixará o GIGANTE DA COLINA.
    Com relação ao brasileirão, espero que a má faze de Diego Souza tenha finalmente acabado. O tempo de morcegar dentro do campo ACABOU.
    Já estamos chegando lá. Muita gente não acredita, mas o Vasco tem time sim para ganhar o Brasileiro ainda mais com a volta de nosso Reizinho!!

    ResponderExcluir
  3. Lindíssimo seu teexto e seus comentários sobre o jogo..
    O final então..impecável...Parabéns...

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar sua opinião sendo Vascaíno ou não.

Saudações Cruzmaltinas